...

   Notícias


26/06/2019

   Projeto Vizinhos do Parque Fritz Plaumann: Reuniões nas comunidades


Na semana que passou técnicos da ECOPEF juntamente com o IMA realizaram as reuniões nas comunidades da zona de amortecimento do parque através do Projeto Vizinhos do Parque Fritz Plaumann: Sensibilização e Proteção Ambiental aprovado pelo edital do Ministério Público Federal nº 01 de 2018, as reuniões ocorreram nos dias 17 18 e 19, e envolveram parceiros e moradores das comunidades da zona de amortecimento do parque,  Sede Brum,  Porto Brum, Presidente Kennedy e Linha Laudelino. No dia 17 as reuniões ocorreram de manhã na escola Franciso Bagatini e a tarde no centro comunitário da comunidade, reunindo cerca de 60 pessoas para as reuniões sendo 30 alunos da escola. No dia 18 ouve somente uma reunião no período da tarde, no centro comunitário da comunidade de Porto Brum, reunindo cerca de 22 pessoas. No dia 19 novamente ocorreram duas reuniões na comunidade de Presidente Kennedy, uma pela manhã com os alunos da escola Fraya Hoffman Wentegel e a tarde no centro comunitário da comunidade, reunindo cerca de 74 pessoas para as reuniões sendo 38 alunos da escola.

As reuniões contaram com a presença de autoridades da câmara de vereadores do município de Concórdia, Prefeito do município de Concórdia, Secretario do desenvolvimento econômico e turismo, Policia Militar, Policia Civil, Policia Militar Ambiental, além dos demais parceiros da ECOPEF, como IMA, CDA, e as escolas já citadas.

O principal objetivo da reunião foi informar os moradores do entorno sobre o projeto, e também poder ouvi-los, buscando sugestões e entender a real necessidade das comunidades vizinhas ao parque, os assuntos  abordados nas reuniões envolveram temas como fauna e flora local, limites do parque, limites da zona de amortecimento, normas e leis específicas que devem ser seguidas dentro destas áreas. Cientificando aos moradores a localização de onde serão colocadas as boias de sinalização no rio dos Queimados, por fim foi discutido com os moradores possíveis locais para colocação de cancelas de proteção, que irão inibir a entrada clandestina em áreas do parque.



Comentários